Menu

Lavagem do Bonfim em Laranjeiras promete unir religiões

O Cortejo e Lavagem do Bonfim que contará com uma programação em comemoração ao 13 de maio (foto: Arquivo Prefeitura de Laranjeiras) O Cortejo e Lavagem do Bonfim que contará com uma programação em comemoração ao 13 de maio (foto: Arquivo Prefeitura de Laranjeiras)

Tanto religiões de matrizes africana, quanto outras.

A Prefeitura de Laranjeiras por intermédio da Secretaria da Pesca e da Igualdade Racial (SEPIR) e com a participação da sociedade civil do povo do Axé, vai realizar até 13 de maio a “Semana de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa”, no município.

A finalidade do evento é proporcionar ações que combatam a discriminação racial e a intolerância religiosa, no sentido de unir forças e fortalecer os Povos Tradicionais do Município de Laranjeiras. Segundo a Secretária da Pesca e da Igualdade Racial (Sepir), Sandra Senna, o marco legal contra o racismo é o Estatuto da Igualdade Racial. “O Centro de Referência Nelson Mandela foi criado em 2013 para auxiliar o cidadão e faz parte de uma rede que reúne 31 instituições. Durante a Semana de Combate ao Racismo e a Intolerância Religiosa em Laranjeiras, teremos ações para mostrar que já é hora de acabar com os casos de racismo. Serão várias ações durante toda a semana para toda comunidade”. Senna explica ainda que existe o racismo pessoal e o institucional. “Muitas vezes ele é velado, pode acontecer quando um cidadão não consegue acessar bens e serviços públicos essenciais devido à sua cor ou é vista de outra maneira por conta de uma religião”.

O município de Laranjeiras é o berço da cultura, de grupos folclóricos de origem africana e de religião de Matrizes Africana trazidas pelos escravos. Por conta disso o evento vai contar em sua programação homenagem para alguns Babalorixás, palestras em escolas públicas e será finalizada com um grande cortejo para a Lavagem da Igreja do Bonfim.   “Entendemos a importância histórica do município na manutenção e preservação da cultura africana em Sergipe. É em Laranjeiras que temos o primeiro terreiro tombado como Monumento de Interesse religioso, histórico e antropológico, “Os Filhos de Obá” e nada mais justo realizar um evento deste para mostrar a riqueza dos negros e sua religiosidade, explana a secretária da Pesca e Igualdade Racial, Sandra Senna.

Evento

O  Cortejo e Lavagem do Bonfim que contará com uma programação em comemoração ao  13 de maio,   dia  que foi assinada a "Lei Áurea". O início do cortejo em direção à Igreja do Senhor do Bonfim, sai da Praça próxima ao terreiro “Filhos de Obá” por volta das 15h e vai seguir com muita música, dança e fé, pelas ruas de Laranjeiras. "O governo Municipal cumpre um papel fundamental com a Sociedade, através das Secretaria de Igualdade Racial e retoma um importante evento para a comunidade e admiradores”, ressalta a secretária da SEPIR, Sandra Sena.                                                                                  

Esse é um evento organizado pela Prefeitura de Laranjeiras e realização das SEPIR, conta com o participação de diversas instituições: como a Coordenadoria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (COPPIR), da Cúria da Igreja de Laranjeiras, do Fórum Estadual de Religiões de Matrizes Africana, Terreiros, os  povoados e os municípios circunvizinhos e apoio das  Secretarias Municipais da Cultura, Infraestrutura, Educação, Assistência Social,  Turismo de Laranjeiras, Museu da Gente Sergipana e o Sebrae.

Fonte: Ascom Prefeitura de Laranjeiras

Deixe um comentário

Envie seu comentários, ele será analizado por nossos moderadores e em breve será publicado. Agradecemos sua participação

Portal Afroxé

voltar ao topo
Instagram

Notícias em Destaque

Seções

Mostrar

Notícias Locais

Ferramentas

Sobre Nós

Siga Nos